quarta-feira, 24 de setembro de 2008

'Lagartus"


Quando você chega em casa, quer descansar, relaxar.

Você chega do trabalho, dos estudos, ou mesmo de um passeio: Tá chegando em casa, onde vai descansar.

Seu corpo automáticamente se condiciona para isso.

Assim eu cheguei em casa, tomei um banho, e fui ver TV, comendo um sanduíche.

É quando surge na parede uma imensa lagartixa, a maior que já vi na vida.

Eu sabia que esse lance de agrotóxicos, lixo atômico, Lixo hospitalar, ia dar nisso:Parecia a 'Godzilla” das lagartixas, a 'Cloverfield' das mesmas, de tão imensa que era!

“Ah, não...não agora...”, pensei, com a mão na cabeça.

Eu não tenho problemas com baratas (tem homem que tem!), mas com répteis ou tudo que se arrasta no chão, tenho.

Só gosto de ver as cobras nos meus filminhos 'trash'!

Mas não dava para 'passar batido'...a bicha era enorme.

Fui no quarto, coloquei minha camisa camuflada e boné idem.

Deitado ao solo, peguei no alto-falante e mandei: ”Lagartus, aqui é o Capitão Lee, do corpo de fuzileiros navais dos EUA (eu sempre quis dizer isso). Imagino que, sendo um lagarto mutante, você possa me entender. Sugiro que você se retire de nosso teritório imediatamente, ou sofrerá as consequências”!

Lagartus, com largas passadas, fugiu em direção a floresta próxima (uma samambaia).

Eu num disse que ele me entendia??!

“Ok, Lagartus, você fez a sua escolha”, disse.

Primeiro, pensei em lançar uma bomba de ectoplasma nele (um ovo, mas desisti da idéia, pois quem ia ter que limpar depois era eu).

Assim, lancei um míssel somente de impacto, em sua direção, para afugentá-lo (uma bola de meia

O tiro saiu pela culatra...Lagartus fugiu da floresta, e partiu rumo ao maior edifício da cidade (a TV da sala), tal como o King-Kong! Só faltava ele me pegar de refém como a loira do filme, e me levar pro topo do edifício!

Lagartus não me deixa outra alternativa, a não ser usar uma arma química, pois não queria causar destruição ao redor.

Disparo a arma (um inseticida), e dessa vez lagartus foge em direção ao sistema de esgoto da cidade (embaixo do sofá).

Isso foi na semana passada. O exército manteve esse incidente sobre segredo militar, não permitindo que o mesmo chegasse a imprensa.

Ontem pela manhã, o corpo de Lagartus foi encontrado ainda agonizando, perto da grande fábrica (a cozinha). Seu corpo foi retirado para local ignorado.

Não jogue suas pilhas no lixo comum...isso poderá produzir outros 'Lagartus”...

Colabore com o ecossistema.

Lee