quinta-feira, 16 de outubro de 2008

Só permita entrar em sua vida coisas que não venham te agredir


Muitas vezes, por inexperiência ou vacilo, acabamos por aceitar coisas em nossas vidas que nos fazem mal.
E, ao aceitá-las, imediatamente algo que seria um 'curso normal', deixa de fluir: uma peça da engrenagem não está funcionando.
Conheci pessoas que cursaram faculdade apenas para agradar aos pais.
Muita gente é advogado,médico ou outra coisa qualquer, pois os pais achavam que davam 'status', era tradição de família, etc.
Num desses casos, o rapaz queria mesmo era ser professor de inglês, mas a pressão da família fez com que cursasse a UERJ até o final...
Ele deu o canudo de 'presente' aos pais, e na mesma faculdade, depois fez o curso que queria- teve sua vida atrasada em 5 anos por isso, e se sentia muito mal quando fazia um curso a 'contra-gosto'.
Trabalhar num local por obrigação (de pagar as contas),mas que vc se sente mal, passar num concurso que não gosta (mas que dá dinheiro e stauts), namorar por namorar (todos acham ele/ela tão bonitinho/a e tão legal- quem tem que saber é vc), são exemplos disso.
Eu nem vou entrar em questão de casamento- mais adiante escreverei sobre isso.
Tem coisas que dá pra levar, por algum tempo, outras, não.
Outras, que se a gente deixar, pode permanecer o resto da vida com elas, nos fazendo mal, e nos deixando infelizes.
Isso, se elas não nos matarem antes.
Não abra mão das coisas que você gosta, se ela for positiva, por algo que outros achem que seja melhor para vc;
Veja se tem algo, no momento, te fazendo mal, corroendo sua vida, e mande pra lixeira;
Como saber? Muito simples:
Se existe algo tirando sua paz, é uma grande pista de uma coisa que está te agredindo:
É ali que vc tem que agir.
Lee