sexta-feira, 26 de dezembro de 2008

Top Five 2


Top Five Livramentos 2008


Deus é para nós um Deus de libertação; a Jeová, o Senhor, pertence o livramento da morte.” Salmo 68.20


Top 5- Pms “estranhos” me revistando


Uma patrulha tinha passado na minha frente, assim que saí de casa, e eles me olharam e num fizeram nada:Eu estava esperando ônibus.
Um km depois, assim que eu desci, os caras me abordaram e pediram pra me revistar:achei eles muito estranhos...fiquei olhando pras mãos deles pra ver se não botavam droga ou qualquer coisa nos meus bolsos. Mas o meu visual não ajudava:


Estava de boné, camisa preta, e pochete. Do boné eu não abro mão, mas evito a camisa preta, e a pochete o “Chefe” já havia me alertado pra não andar com ela, foi a primeira coisa que eles pediram pra revistar...troquei-a por uma pequena bolsa.


Fiquei orando o tempo todo, pra que não me confundissem com alguém(depois soube que estava havendo assaltos ali, era um cara de boné e cavanhaque, do meu tamanho,que usava uma pistola na...pochete!)...eles foram embora.


Top 4 – Arrastão no Cinema


Não é meu cinema favorito, nem meu 'point', mas eu havia visto um filme no Shopping Iguatemi, bem mais distante de minha casa e do Shopping que vou na Tijuca.
Havia uma promoção de seis reais a inteira, por dois meses,e achei que valia a pena...


Mas me senti “estranho” no filme, e assim que acabou, 'piquei a mula' logo, nem lanchei.
Decidi que não valia a pena me deslocar tanto assim, e não fui mais 'pegar a promoção'.


Uns cinco dias depois, houve arrastão num daqueles cinemas: vagabundos entraram e levaram celular, dinheiro, etc, numa sessão ...eles fugiram prum morro bem próximo ao Shopping.


Top 3 – Chubby e Eu (como está relacionado com o um Top Five dos sonhos proféticos, veja depois tudo por lá)


Top 2 – Um Anjo no Cinema


Dessa vez o filminho era no meu point mesmo, mas assim que cheguei pra cortar caminho pelo beco que vai sair no Shopping, me senti estranho de novo...passei batido por lá, acelerando o passo, e fui ver o meu filminho.

O cinema não estava cheio,e de repente lá pela metade do filme, ao meu lado(eu sempre sento na ponta), vejo uma orla branca, resplandecente, típica daquelas vestes do oriente médio...não tive coragem de ver tudo(só fui até o joelho), pois me arrepiei todo, pois já sabia que era um anjo...depois não vi mais, mas a sensação de alguém ao meu lado,me protegendo, era muito forte, bem como de “um pedacinho do céu”.


Pôxa...podia ter chamado ele pra sentar e comer pipoca comigo...kkk...conversaríamos sobre 'as coisas lá do alto'...rsss...e o por que o 'Chefe' tinha mandado ele ali.
Assim que saí do filme, nova sensação: mudar de direção...saí pela porta lateral, em vez da frente, onde certamente passaria pelo beco 'corta-caminho'...


Mais tarde, na tv, soube que houve um atentado a um delegado, feito por bandidos...a perseguição ao carro dele, começou no início do beco onde passaria, com trocação de tiros...o delegado foi ferido a 100 metros dali, foi um tumulto geral na rua.
Tudo aconteceu enquanto estava no cinema,vendo filminho com meu 'amigo'.


Top 1- Assalto no Bradesco

Comentei sobre isso numa mensagem, 'os livramentos de Deus', recentemente...resumindo: eu desci do ônibus, em frente ao Bradesco, e me deu vontade de subir logo pra casa, contrariando a lógica de comprar umas coisinhas pra comer mais tarde, que originariamente tinha pensado...ia chover, aproveitar pra passear com Chubby antes da chuva.
Foi o que me salvou: teve 'saidinha de banco' no Bradesco, uma patrulha tava passando, foi bala perdida pra tudo que é lado: o frentista do posto ao lado do banco levou tiro no pé, teve bala perdida dentro do banco, fora dele...um bandido tava morto na rua...
Trânsito congestionado, pessoas amedrontadas...tudo isso eu vi 'in loco', assim que voltei a rua, dez minutos depois –
eu estaria passando na hora dos tiros.

Top Five Sonhos Proféticos


Eu os tenho desde os 4 anos de idade, e tenho mais facilidade em lidar com eles do que que com certas 'impressões espirituais' como as que citei acima...dificilmente passo duas semanas sem ter um sonho desses.
Por eles, vi que meu pai iria morrer, com seis meses de antecedência, vi pessoas levantando da cadeira de rodas, etc.


O objetivo deles, geralmente, é nos preparar, alertar,para alguma coisa que vai acontecer.
Muitas vezes, essas coisas não precisam acontecer, aí que entra a oração, etc.
Nesse Top Five, colocarei a legenda: status: já ocorrido/ a ocorrer


Top 5- o Retorno ao serviço público -status: a ocorrer


Passei quase dez anos nele, mas me enchi e pedi pra sair- tava de 'saco cheio'.
Dinheiro, posição, acho tudo isso fútil, quero é tranquilidade, e não estava tendo nos últimos tempos, por lá...fui pra iniciativa privada.
Comecei a ter uma série de sonhos voltando para onde eu estava, pra desespero meu...
Encontrava gente na rua, do antigo trabalho, como nunca na vida...e os sonhos continuavam...num deles, eu era um elemento que levava paz no meio do caos instaurado por lá.


Dei entrada no meu retorno, e o processo já está bem adiantado, deve sair no início do ano que vem- nunca vi um processo percorrer as vias tão rapidamente, só com um mês de entrada.

Top 4- Atentado a Obama – status: a ocorrer, mas “não precisa ocorrer”

A sala que Obama dava uma coletiva, ao lado de dois secretários de estado, explodia, com jornalistas dentro e tudo...um horror. Mas não precisa ocorrer...estamos orando por ele.
Me parecia ser atentado terrorista, nos States mesmo. Eu via tudo como se fosse uma câmera, filmando tudo.


Top 3- Chubby morto na escada – status: Já ocorrido


Eu via Chubby, meu cãozinho, morto na escada do primeiro andar (onde moro) e quando ia na direção dele, um enorme cachorro cinza, do tamanho do Scooby-doo, descia correndo: foi ele que tinha atacado.
Assim que acordei, fiquei pensando no sonho...ora, não tem cachorrão cinza daquele tamanho aqui no prédio, conheço todos os cachorros que descem...o maior é uma pastor alemão .


Cerca de 10 dias depois, sábado á noite, por volta das 19hs, desci com Chubby.
Eu sempre desço pela escada, pois moro no primeiro andar e boto a coleira nele ali.
Estava havendo festa de criança no salão naquele dia...assim que passei pelo portão da garagem, senti algo estranho, e foi só o tempo de puxar Chubby, como se fosse um 'iôiô, no braço (ele é um yorkshire) :
um enorme cão cinza acabara de tentar abocanhá-lo , os enormes dentes quase pegaram meu braço:
era o cachorrão cinza do meu sonho.
Me preparei para o segundo ataque do cão, que voltava: fiz 'a base', e ia tentar afastá-lo com um pontapé,mas esse, em vez de vir pra cima de nós, entrou pelo portão da garagem!


O porteiro não viu, avisei a ele, e esse ficou desesperado, pois ele correu em direção ao salão, cheio de crianças!
Passei mais tempo que o de costume com Chubby na rua, pra ver se a situação se contornara: mas sempre ligado no cachorrão.
Quando resolvi voltar, conseguiram trancá-lo num quarto...só que antes...
O porteiro foi atrás dele, procurando a enorme fera...adivinha onde estava?
Correndo pra cima e pra baixo, entre o quinto...
e o meu primeiro andar.
Quando viu o porteiro, correu para abocanhá-lo, e esse fugiu prum quarto de duas entradas, onde o trancou.


Chubby tá aqui me olhando agora, enquanto tô digitando...
Se o 'Chefe' se preocupa até com nossos 'pets', imagina com a gente.


Top 2- PIB Copa Rejection- status: Já ocorrido

Olha ela aí de novo! Se eu tivesse levado mais a sério, teria me resguardado mais.
Eu subia a Décio Vilares (rua da grei) mas a grei ficava era no final, lá em cima, e bem mais íngreme que é a rua.


A grei não tinha entrada: havia uma grande muro cinza, e quem quisesse adentrar tinha que escalar esse enorme muro pra poder entrar.
Eu escalava com dificuldades, e capotava lá pra dentro exausto.
Eu via as pessoas em cadeiras tipo daquelas que tem nas piscinas de hotéis, deitadas, tomando sol,
descansadas.
Quando ia me apresentar, era tratado com indiferença, chegando mesmo um a dizer:
'Ah num atrapalha não”, quando passava por entre as cadeiras.
A grei, na verdade, era um grande 'clubão' de amigos.


O resultado, vc já soube ontem.


Top 1 – Um novo amor chegando- status: to pagando pra ver

Eu acordei de mahã cedo, e fiquei impregnado com esse sonho até 4 da tarde.
A chance humana de isso acontecer é remota: pra ser sincero, num faço a menor questão, não farei nenhuma força nesse sentido- por isso,
'to pagando pra ver'.
Fui mentor dessa menina desde quando ela tinha 14 anos. Hoje, ela tem 19, e não há vejo há 2 anos.
É das raras pessoas que sabe o que quer fazer da vida...e tem o mesmo gosto de filmes e séries que eu tenho...é inteligente, sensível, com personalidade precoce para a idade.


E muito linda.


Eu nunca pensei nela, além de achar uma pessoa bonita...só isso...tinha me esquecido, se num fosse o sonho.
Ela tem um namoradinho há uns 2 anos, no mínimo...parece que se dão bem.
No sonho, ela chegava para mim e abria o jogo: “Quero namorar vc”.


Eu num sabia se ela tava com namorado ou não...mas o que ela disse, no sonho, veio a sensação do que ela realmente queria dizer, mas num dizia, é difícil de explicar:
Quero namorar vc pra casar: sempre gostei de vc”.


Não perdi o rebolado, e emendei: “Tem certeza, (falei o nome dela)? Eu sou mais velho do que vc”.
“Tenho certeza sim, é isso que eu quero”.


O local de encontro era parecido com meu point.


Preciso dizer o seguinte: Não vou ficar esperando por isso. A fila, naturalmente, precisa andar...e só mesmo uma coisa muito superior pra que isso ocorra:humanamente falando, não mantemos contato algum.

Algumas coisas dependem da vontade de um,ou de outro...eu nunca orei pra que essa ou aquela gostasse de mim: pra isso o 'Chefe' deu o livre-arbítrio, essa oração não funciona.


Mas foi o sonho mais forte e intenso que tive no ano...fiquei 'impregnado' com aquela garota durante quase o dia inteiro, como se realmente tivesse falado com ela no dia.


Amanhã: Top Five generalidades, pra descontrair, e Top Five melhores momentos 2008.


Lee, que ganhou 5 presentes de Natal: um relógio, uma camera digital que num sei mexer, um perfume, uma caixa de bombons, e uma mini-lanterna, pra num tropeçar no cinema.