quarta-feira, 7 de janeiro de 2009

Se alguém te confidenciou algo importante, não saia por ai espalhando


As pessoas tem a necessidade de desabafar.
Se alguém te conta alguma coisa e pede segredo, vc deve guardar segredo.
Saiba discernir as coisas...alguma delas, podem parecer insignificantes pra vc,mas não são pra quem te contou, e pediu segredo.


Sabe por que as pessoas espalham confidências?
Elas tem um sabor de 'conhecimento proibido', que orgulhosamente, querem passar a outra pessoa...


O 'confidente' se sente um detentor de um 'conhecimento proibido', e quer logo passar a confidência adiante, para saberem que 'ele é o cara'.


'Ele é um cara' safado, isso sim.
Não são só profissionais que tem que manter segredo...
Se vc recebeu uma confidência importante, alguém confiou em vc: achou que vc é merecedor de uma confissão, um desabafo, um segredo.


Se esse alguém então, pediu segredo, tipo “isso fica aqui entre nós”, etc, vc deve permanecer de boca fechada.


Sou detentor de segredos confidenciados, e também de 'segredos percebidos'.
Se contar para uma pessoa errada, mesmo sem querer, posso destruir vidas, carreiras, casamentos e ministérios.


Nãos os conto por dinheiro, sob tortura, chantagem (dái a importância de se procurar levar uma vida honesta e transparente), e nem para me gabar.


De segredos confidenciados, guardo até mesmo sobre aqueles aos quais não concordo- alguns deles são da série “acredite se quiser”.


De 'segredos percebidos', são os tipos de segredo que a gente percebe,mas não convém contar- é melhor esperar o tempo revelá-los...


Exemplos? No serviço público, muito antes de o Álvaro Lins (ex-chefe de polícia) ser preso, 3 anos antes já sabia dos esquemas de propinas das delegacias (ele colocava os delegados e exigia 'caixinha' do jogo do bicho e dos caça-níqueis)...está preso em Bangu 8, acho.


Um ex -diretor meu corrupto, roubava tudo o que vc pensava da repartição, e ainda super-faturava obras...foi exonerado.


Na vida cotidiana, dois conhecidos gays, muito tempo antes da liberação geral que tá agora, tentavam levar uma 'vida dupla' (um deles era casado e tudo), mas não aguentaram a pressão...cada um, em época diferente, foi pra São Francisco, e ficaram por lá com seus 'amores de verdade'.


Eu já sabia da situação deles, e que onde se encontravam, era impossível de continuarem a exercer o ofício que realizavam: se descobrissem, seriam execrados...além do mais, nunca discriminei gays – cada um tem seu gosto.


Segredos 'percebidos' são mais difíceis de se manter calado: ninguém pediu segredo...mas eles destróem da mesma forma que os 'confidenciados'.


E também são mais dolorosos:uma vizinha conhecida vai se casar...já vi o noivo dela várias vezes com outras, numa agarração danada...outras pessoas também...mas não serei eu quem vai estragar o sonho dela.


Não espalhe confidências, de alguém que confiou em vc...e nem as 'percebidas'...aprenda a guardar segredos.


Lee, torcendo pra que vc espalhe, essas sim, as minhas confidências.