segunda-feira, 23 de fevereiro de 2009

Rio Quente 2 : Eles voltaram


O Metrô no carnaval deixa de ser metrô, e passa a virar trem...veja só:

Batucada de samba;

Nego vendendo picolé da colegial a um real;

Nego sentado no chão do metrô- nem no trem eu vi isso, quando andava há alguns anos atrás!

Fui comprar pilha e me perdi, quando vi tava na Constante Ramos, que nunca havia entrado...acho que tem um pequeno La Mole Lá....(entenda a sutileza da frase)

Enfim, chego no meu pedaço, e peço ao Mauro (nome fictício, depois vc vai ver o por que), o dono da barraca,uma cadeira e um guarda-sol.

Cheguei tarde, já umas duas horas, e num tinha mais cadeira: ele me arrumou um guarda-sol, e aí disse pra que quando vagasse uma , levasse pra mim...fiquei meia hora sentado na toalha.

A praia tava um formigueiro só...foi difícil arrumar um lugar pra fincar o guarda-sol...

Agora, tinha gente bem atrás, na frente, e bem ao meu lado.

Com o guarda-sol, fiquei com mó preguiça de passar o Sundown... Lalá só deve voltar amanhã de For You...eu não alcanço as costas toda!

Assim, cabei de ler o restante da (não) Veja que tinha comprado...e justamente numa parte em que falavam no mal bronzeamento artificial da Vera Fischer e da Ana Maria Braga, que estão numa mistura que oscila entre o marrom e o laranja...

Eu tava lendo a Veja ou a Contigo??

Quem gosta desse negócio de vida de artistas é a Lalá, que só deve voltar amanhã de For You.

Finalmente passa o mate de galão, aquele adoçado pelo pé do negão, e assim, me hidrato...
O Mauro finalmente consegue uma cadeira pra mim, e assim “subo de vida”.

Tinha uma muié na minha direita que ele foi lá, deu um “amasso” e um beijo nela...

Ela já ia embora, e disse pra ele:

- Não demora muito a chegar em casa...to te esperando.

Engraçado...eu jurava que tinha visto a muié do Mauro no primeiro dia, ao lado dele na barraca, uma mulata igual a ele...deve ter sido impressão minha.

Puxo a minha barra de cereal, pois tava dando fome.

O Mauro volta, dessa vez pedindo pra acertar o pagamento, pois ele tinha que “sair mais cedo”...engraçado, ontem ele também “saiu mais cedo”...

Putz! Se liga, Lee! Aquela branca é o caso do Mauro! Por isso ele está “largando mais cedo”- a patroa vai embora mais cedo, enquanto ele fica “dando duro no trabalho”!!

Eram 3 horas, e ele só devia dispor no máximo de duas horas, por isso a pressa para acertar com os clientes!

Peço a família bem atrás de mim pra dar uma olhada nas coisas, já que ele tinha ralado, pois está na hora da minha caminhada.

Encosto o pé na água fria, quase congelando...dessa vez num vou entrar, pensei...
Foi quando crianças que estavam brincando de atirar água, correm na minha direção...

O garotinho, mais ágil, se desviou da água que a menina jogou, vindo direto em mim.
Que gelo! Num vou entrar mesmo, pensei...

(A parte abaixo, Lalá pula)

Já próximo ao Marriot, me lembro da loirinha do topless de ontem...dou uma espiada discreta, mas num tinha nada por lá...sacumé, Lalá só deve voltar amanhã de For you.

(A parte abaixo, Lalá continua)
Levo 15 a 20 minutos de ida e volta para onde estava.
Quando chego no meu lugar, a área já estava menos cheia.

Mas vc num vai acreditar quem acabara de chegar, e ficaram ao meu lado direito, dessa vez:

A mesma muié com o maridão ciumento de ontem!

A cara que ele fez quando me viu sentar foi cômica...mas o mais engraçado veio a seguir:

Ele se levantou, e ficou fazendo “parede” pra muié, como se fosse um muro bem ao meu lado! Parecia aqueles bombeiros de braços cruzados, foi hilário, o cara tava desconcertado....

E eu com vontade de rir...

Na hora em que ele resolveu dar um mergulho, ele caminhava dois passos pra frente, e olhava pra minha cara...mais dois passos, e outra olhada...até chegar na água...

Aí, num aguentei, e soltei uma gargalhada...ele tinha botado o que me parecia ser um sobrinho pra ficar de escolta na muié dele.

Na volta dele da água, o mané posicionou a cadeira de frente pra mim! E num tinha mais sol!

Depois reclamou lá com eles da família que num tinha gostado do ponto, e que num voltaria mais ali...ficou super mal-humorado.

Ah, o “ponto” em questão, era eu!

Eu eu tenho culpa se a muié dele fica sacando os outros na frente dele?

É melhor deixar ela trancada num porão, alimentando 3 vezes por dia, com uma Burka, e ele entrando só á noite em casa, para dormir...Deus me livre ter muié assim...

Lalá só deve voltar de For You amanhã...e isso me causou muitos transtornos!

Resolvo que é hora de picar a mula, num quero ficar com aquela mala bem ao meu lado, de guardião de muié assanhada....arrumo minhas coisas pra sair...

E quando saio, eu o ouço resmungar: -pra esse lado aqui, num venho mais!

Acho bom, pois eu voltarei... KK!

Na saída, atravesso a rua, e dou de cara com o negão de mate com galão.

-Inda tem mate?, perguntei.
-Tem sim, cabei de abastecer no depósito.
Assim, no calçadão, tomei mate gelado com limão.

Olhei pro pé do negão, um coroa cinquentão, e ele estava descalço, em pleno calçadão.

Mas apesar de ter ido abastecer no depósito, numa rua lá de trás,os pés estavam molhados até a altura dos tornozelos...

É...num é lenda não...confirmei o por que o mate de galão é mais gostoso!

Lee, que dali foi lanchar no Botafogo Escada Shopping, o shopping que vc leva mais tempo andando de escada rolante do que fazendo qualquer coisa!