segunda-feira, 6 de abril de 2009

Você já Dançou?


Povo de igreja não gosta de dança.

É mais uma das coisas que a igreja considera “mundana”, seja a católica, ou a dita evangélica.

Igrejas em geral, não consideram nada que deixem a pessoa alegre, livre, solta, uma coisa boa:

O mecanismo de controle moral que elas exercem, coíbe a pessoa de dançar.

Sim, por que na maior parte das vezes, algumas greis são apenas “fiscais de postura”.

Aí, a pessoa pra dançar, por exemplo, muitas vezes o faz ás escondidas...

Ou tão somente em “valsinhas de casamento”.

Ultimamente, algumas tem se aberto mais a isso, liberando não só as palmas nos cânticos, como consequentemente o natural balançar, o movimento do corpo.

Como tudo o que foi reprimido durante muito tempo, aí surgem também alguns exageros:

Vejo nego pulando, fazendo trenzinho...em geral, não é expontâneo, é “da carne”, mesmo.

Trabalhei um tempo como líder de coreografia, numa das greis que passei.

Li, participei de workshops, aprendi um pouco, e sempre orientava a evitar excessos.

Muita gente mesmo, na grei, ainda torce o nariz.

Igual Mical, uma das esposas do rei Davi.

Davi se alegrou, e dançou diante de Deus...

Mical não gostou...

Mas Deus, gostou!

Alías, na maioria das festas do velho testamento, instituídas por ele, tinha dança.

Aí, nego hoje diz nas greis que era costume cultural, que não é pra gente.

Quer povo mais culturalmente dançante do que o brasileiro?

Ah, tem sim, os africanos...alías, um monte de povos gostam de dançar:

Irlandeses, escoceses, Índios, Alemães, Argentinos, Paraguaios, Bolivianos, Peruanos, da américa central...um monte.

Na verdade, tudo, como sempre, é uma questão de gosto...

Algumas pessoas não gostam...

Deus gosta...suspeito que haja muita dança lá por cima, é melhor nos acostumarmos.

E vc, já dançou?

Lee, que ainda vai aprender a dançar, mas que adora ver uma dança.
Na Sessão Revival, a ABBA mania voltou: Dancing Queen!