quarta-feira, 1 de julho de 2009

Teen Questions: "Ficar", Namoricos, e Namoro


Pouco é falado sobre as “modalidades” de namoro aos jovens na grei.

E quando falam, tratam os teens (adolescentes, mas assim fica mais chique) como se eles fossem idiotas.

Os teens de hoje, sabem cada vez mais sobre o assuntos de sexo, do que os teens da década anterior.

Eles tem o conteúdo informativo, mas muitas vezes não conseguem extrair de quem está na igreja, algo que fale sobre as dúvidas, complexos emocionais, sexualidade, etc.

Em casa, depende da cabeça de cada pai- E é de onde deveria primariamente partir toda a orientação.

Mas pai e mãe tem medo de falar sobre isso, na maioria dos casos.

Na grei, ela vem cercada de tabus (veja a série sexo é tabu na grei, aqui no blog), e na maioria dos casos, cheia “de não me toques”.

É na adolescência que aflora a pulsão sexual... quando o menino começa a produzir sêmen;

É quando a menina começa a menstruar;

É quando começam a ter atração um pelo outro, coisa que não acontecia na década anterior.

É quando eles querem começar a namorar...

Mas namoro de que espécie?

Bem, vamos as que eu citei acima:

Ficar:

De forma geral, não tem um vínculo,ou melhor, ele é mínimo...fica hoje, mas amanhã ou depois pode estar com outro/a...é mais pra não ficar sozinho, em geral, tem a ver com a permanência em determinado local (festas, viagens, intercâmbios)...tudo se encerra li mesmo, ao final.

Ponto positivo: Ninguém te enche o saco, depois...se encher, é só trocar de chip, ou bloquear na net.

Ponto negativo: Tem o risco de uma banalização, como se vê nas nights da vida – e a má fama, sempre vai pra garota – ele, curtirá uma de pegador, e vai espalhar quantas “pegou”, queimando o filme da garota.

Namorico:
Aqui já se tem um vínculo, pois os dois já saem com um pouco mais de frequência, se vêm, não só numa noite, num acampamento, numa festa.

De forma geral, saem juntos, alguns por gostar da companhia do outro,mas ainda não tem a certeza se querem ou não namorar fixamente...estão sacando um ao outro.

Ponto positivo: estão juntos, mas ainda não compromissados...se perceberem afinidades mútuas, vão para o próximo passo, que é o namoro...mas se um perceber que “não era bem isso que eu queria”, é melhor ter coragem para permanecerem só como amigos.

Ponto negativo: nego vai ver juntos, e vão logo dizer que estão namorando...em igreja então, isso é terrível:

É melhor fazer isso fora da grei, até verem o que de fato vai acontecer.

Namoro:

Seja bem vindo/a "When no man has gone before ”( só entende os fãs de Star Trek):
Aqui, já existe um compromisso entre ambos, estão prontos para que saibam de fato, que os dois estão juntos.

Isso requer maturidade, e certeza: se ainda não tem, fiquem no namorico.

Se só não querem ficar só, “fique”, apenas -mais saiba dos riscos da banalização, e da língua ferina dos outros.

Ah, ouvi dizer de uma tal Côrte, mais um modismo eclesiástico ridículo que a igreja da Lagoinha difunde (na verdade, isso vem do G 12, mais específicamente do Renê Terra Nova):

Os adolescentes e jovens apenas podem cortejar um ao outro, e não podem beijar, se abraçar, etc, pois tudo na cabeça desse povo é pecado.

Só podem dar beijinho no rosto, na mão, etc....acreditem, inventaram isso.

Quanto a questão sexual, já deixei minha posição bem clara na série “sexo é tabu na grei”, e não vou repetir.

Lee

Na Sessão Revival: Michael veio ver a favela no Rio, e foi ao Pelourinho.

http://www.youtube.com/watch?v=HLSDiSa3IUs