sábado, 29 de agosto de 2009

Juízo Final


Esse é o primeiro de uma série de filmes apocalípticos que chegarão por aqui:

Estão vindo mais quatro, se não me engano.

Filmes apocalípticos já foram moda, e parece que vão voltar com força total.
Esse aqui deve ter sido o mais fraco de todos (apesar de eu ter me divertido com as cabeças rolando- como disse, eu adoro filminhos de terror, Kívia)...sinopse:

Um vírus mortal se espalha na Escócia, e a Inglaterra fecha as fronteiras...anos mais tarde, se descobre que a cura para o vírus, que agora chegou na Inglaterra, está na própia Escócia, onde alguns se tornaram imunes:

Uma equipe especial é deslocada para lá, e aí rola o babado todo do filme.

Não é nenhuma Brastemp, mas dá pra ver- e comparar com os outros que estão chegando.

Foi inevitável lembrar da gripe suína (que vai voltar mais forte ano que vem), e se lembrar das pestes e calamidades descritas no livro do Apocalipse...

Em particular, me lembrei dos 4 cavaleiros do Apocalipse.


Vc sabe quem são eles?

Os quatro cavaleiros são descritos no livro de Apocalipse, cap. 6. 1-8.

Eles são descrições simbólicas de eventos diferentes que acontecerão durante o fim dos tempos:
João os viu numa visão, no mundo espiritual, como eles são.....mas em nosso plano, tomarão provavelmente outra forma...exceção da volta de Cristo, que será literal, como foi descrita.

O primeiro cavaleiro do apocalipse mencionado vem num cavalo branco, mas é
"fake":

Vi, então, e eis um cavalo branco e o seu cavaleiro com um arco; e foi-lhe dada uma coroa; e ele saiu vencendo e para vencer”.

Mas por que ele é "fake"?

O primeiro cavaleiro provavelmente se refere ao anticristo, a quem autoridade vai ser dada e vai dominar todos que a ele se opõem. O anticristo é uma falsa imitação do Cristo verdadeiro, já que Cristo vai retornar em um cavalo branco (Apocalipse 19:11-16).
O segundo cavaleiro mencionado em Apocalipse vem num cavalo vermelho:

“E saiu outro cavalo, vermelho; e ao seu cavaleiro, foi-lhe dado tirar a paz da terra para que os homens se matassem uns aos outros; também lhe foi dada uma grande espada”.

O segundo cavaleiro se refere a guerras horríveis que vão acontecer durante o fim dos tempos.

Já o terceiro cavaleiro vem sobre um cavalo preto:

Quando abriu o terceiro selo, ouvi o terceiro ser vivente dizendo: Vem! Então, vi, e eis um cavalo preto e o seu cavaleiro com uma balança na mão. E ouvi uma como que voz no meio dos quatro seres viventes dizendo: Uma medida de trigo por um denário; três medidas de cevada por um denário; e não danifiques o azeite e o vinho”.

O terceiro cavaleiro do apocalipse se refere à grande fome que acontecerá, provavelmente como resultado de guerras do segundo cavaleiro.
A comida e a água serão escassas, mas luxos como vinho e azeite ainda estarão prontamente disponíveis.
O quarto cavaleiro mencionado vem sob um cavalo amarelo:

“E olhei, e eis um cavalo amarelo e o seu cavaleiro, sendo este chamado Morte; e o Inferno o estava seguindo, e foi-lhes dada autoridade sobre a quarta parte da terra para matar à espada, pela fome, com a mortandade e por meio das feras da terra”.

O quarto cavaleiro do apocalipse é um símbolo de morte e devastação... aparenta ser uma combinação dos cavaleiros anteriores.

O quarto cavaleiro do apocalipse vai trazer mais guerras e fomes horríveis, assim como pestilências e doenças. O que é mais impressionante, ou talvez assustador, é que os quatro cavaleiros do apocalipse são apenas “precursores” de julgamentos ainda piores que virão mais tarde durante a Tribulação (Apocalipse capítulos 8-9 e 16).

Mas sobre a grande tribulação, falo mais tarde...chega de desgraça por hoje, né gente?

Entende agora o por quê da necessidade de não só crer, mas viver em Cristo?

Assim, pela escolha do homem pelas coisas do mal, o Chefe terá de liberar O Juízo sobre essa terra- e isso já começa a ser esboçado, por sinais aqui e ali, que nego nem percebe.

Mas acredite, isso ainda é um ato da graça Dele...falo na semana que vem.

Lee,
ciente que esse mundo terá fim.


Na Sessão Revival: É este o Fim?