segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Salve Geral

Final de semana muito violento, aqui no Brasil:

Em Manaus, mataram um Padre italiano que estava há 18 meses no Brasil...

Ele dava assistência a cinco paróquias.
Em São Paulo, novamente invadiram casas, fazendo famílias de refém:

Um bandido encostou a pistola na cabeça de um rapaz rendido e disparou:

A arma emperrou, e o vagabundo então deu uma coronhada nele...o rapaz está em choque.

Por aqui no Rio, invadiram um apartamento em Copacabana, na Barata Ribeiro, e a bandidagem até comeu pizza e tomou Redbull, na cozinha de uma das casas:

É o terceiro apê seguido que invadem na zona sul.

Na Linha Amarela, a bandidagem parou um ônibus do metrô, cheio de estudantes que iam pro Fundão, na Cidade Universitária:
Furtaram dinheiro, pertences, jogaram álcool e atearam fogo:
O ônibus queimou em menos de três minutos.

A violência descamba no país inteiro, como vimos recentemente na onda de ataques que houve na Bahia, recentemente...

Alías, to esperando um filme que estréia dia 2 de outubro, cujo título reflete bem o que vem acontecendo no país:

Salve Geral, sobre o ataque que paralisou São Paulo, 3 anos atrás.
A bandidagem deu ordem, e 70 cadeias entraram simultâneamente em rebelião, houve matança generalizada em postos policiais, com ataques surpresa, em delegacias, ônibus queimados, etc.

São Paulo ficou de joelhos, toda amarrada, nas mãos do mal...
Ficou pior que Gotham City, pois em Sampa não tem bat-sinal, comissário Gordon, e muito menos um morcegão destemido pra pedir ajuda.

O filme será o representante brasileiro que tentará uma vaga no Oscar , ano que vem.
A verdade é que o diabo não descansa e não para um minuto sequer:
Jesus disse que ele veio para “roubar, matar e destruir”- Esse é o ofício dele.

Eu trabalhei com menores infratores, e vi muita boa vontade de quem trabalha com eles:

Assistentes sociais, psicólogos, professores, muita gente.

Mas o que vi mesmo, de efetivo, foi:
Quando a igreja se fazia presente, levando o evangelho da graça, havia mudança.

Muitos voltavam pro “caminho”, cansei de fazer oração nas celas,era até curioso o respeito que els tinham pela palavra:

Quando me aproximava, todos vestiam suas camisas, mesmo estando mó calorão, e ficavam concentrados em frentre as celas...

Todos abaixavam suas cabeças, enquanto fazia uma pequena reflexão, e orava por eles e suas famílias.

Cansei de encontrar moleque aqui fora, que me reconhecia e vinha me agradecer.

E tem mais: O preso com evangelho no coração é muito mais reto do que nego aqui fora, nas igrejas.

E a maioria dos pastores, também é “mais pastor” dos que os que estão aqui fora (sim, sempre tem uma exceção).

Cadeia é o “ inferno na terra”:

Só sabe disso quem está preso, ou faz algum tipo de serviço ali dentro.

E é desse “inferno na terra”, que vem as ordens de sequestro, extorsão via telefone, e todos os maiores crimes contra a população, tanto quanto dos traficantes que estão nas favelas.

O mais curioso de tudo é que, na medida em que as “igrejas crescem”, esse crescimento que naturalmente deveria acontecer na mudança de comportamento da sociedade, é inexistente.

Por que será?
Ora, eu canso de falar isso...

Por causa das igrejas que são bancos disfarçados (só servem pra tirar dinheiro);

Da falta de um ensino, uma mensagem bíblica, que preenche o coração do homem (trocada pela farofada gospel);

Ser de grei hoje, de alguma delas, é como ser membro de um clube, pra rever amigos de vez em quando.

Diferente de ser do reino Dele, ajudando a transformar o ambiente ao redor.

Enfim, é isso:

Salve geral, enquanto estiver assim, é orar muito pra não se ver numa situação como as acima citadas:

Ficar ligado no trânsito e comprar uma boa fechadura pra porta de casa.

Lee

Sessão Revival relembra os ataques de 3 anos atrás no trailer do filme: