domingo, 19 de dezembro de 2010

O Tron nosso de cada Dia



Fui ver Tron - O Legado, continuação do filme que vi ainda pré -teen nos anos 80.



Tron, uma odisséia eletrônica, foi um filme curioso:



Com efeitos especiais inovadores para a época pré- Avatar, o filme passou batido nas bilheterias do mundo todo:


Rato de cinema desde pequeno, fui um dos poucos brasileiros que vi o filme quando passou por aqui, pois a maioria não levou fé no filme.


Resultado:



Assim como Blade Runner (que na época só ficou duas semanas em cartaz no Brasil),Tron só foi assistido depois, nas locadoras (também na época em que não existia esse lance de baixar filmes), se tornando um filme cult, entre os cinéfilos.


Agora nesse novo filme, a premissa é quase a mesma:


Desta vez o filho de Flynn, Sam (Garret Hedlund,o rapaz que fez Eragon) vai em busca do pai ( o vencedor do Oscar 2010 Jeff Bridges, repetindo o papel da década de 80), que continua preso dentro de um game de ação.


Assim, o filho vai em busca do pai, entrando no velho fliperama (será que os mais novos sabem o que foi isso?) do primeiro filme, agora todo empoeirado, a pedido de Alan.


Alan, o melhor amigo do pai dele, é novamente interpretado por Bruce Boxleitner, do filme original, para alegria dos fãs saudosistas com eu.


Investigando o que aconteceu, Sam acaba também ficando preso no mundo virtual, enfrentando desafios do game agora muito mais mortífero, e de saber como vão sair dali.


Este novo Tron, além de boa história, tem efeitos visuais muito bons:


Jeff Bridges é rejuvenescido 30 anos, com efeito atualizado do mesmo programa do “Curioso caso de Benjamin Button”, contracenando consigo mesmo aos 60 anos;


Há referência a Star Wars, pra quem é fã da série, observa nos menores detalhes;


As motos de força, os combates do game in action, o combate das naves de luz;


E se você for ver em 3D como eu fui, não espere o filme saindo da tela a toda hora, se não vai se frustrar:


Os efeitos 3D se dão apenas nas cenas na Grade (não dá pra explicar aqui, só vendo) e são utilizados especialmente para dar maior profundidade de campo visual.



Ah, sim, há luta do bem contra o mal, e também vi um certo ar de messianismo no filme, que consegue uma proeza:



A de ligar a geração da odisséia eletrônica da década de 80, com a geração das mídias atuais...



E ligar quem já viu o filme anterior, com quem só vai conhecer Tron nesse filme.



Mas saí do cinema pensando:



Tron está presente nos nossos dias, muita mais do que há quase 30 anos atrás.



A geração de hoje é viciada em games de computador:



Seja um simples carteado, seja a última geração de um game moderno.



E mesmo quem não joga games, está ligado a Grade ( já falei, só vendo pra entender) :



E a galera que troca a noite pelo dia nos MSNs da vida?



Aliás, tenho a firme convicção do seguinte:



Quem quiser produzir um grande estrago mundial, não precisa jogar avião em prédio, lançar míssil pra outro país, nada disso...



Basta criar um programa para produzir um grande blecaute geral.



Consegue imaginar um mundo sem computadores hoje?



Tron é o deus de muita gente em nossos dias, que não consegue viver mais sem ele.



Não tem mais contato com gente de carne e osso;



Não sai pra se divertir:



Não joga bola, Não vai á praia, não caminha num parque...

Não saem sequer de casa, pois desde compras de mercado e até pizzas, preferem pedir pela Net, aonde estão conectados até a raiz da alma..



Ora, historicamente há pouco tempo atrás (150 anos), não havia eletricidade, carros, telefone, metrô, éter, clorofórmio, antibióticos, e penicilina nos hospitais, nada...



Agora, compramos até nossa passagem de avião, sem sair de casa.



A verdade é que, estamos todos nós no mundo de Tron, e a maioria, nem percebeu isso:



Estamos todos aprisionados num grande game, cheio de corre-corre, tal como no filme.



Por isso, milhares e milhares de anos antes, Deus alertou ao profeta Daniel:




E tu, Daniel, encerra estas palavras e sela este livro, até ao fim do tempo; muitos correrão de uma parte para outra, e o conhecimento se multiplicará. (Daniel 12.4)



Lee



Na Sessão Revival, o trailer de Tron:

http://www.youtube.com/watch?v=Ws-CUMuc3Eg